Exemplos de marketing de conteúdo funcionando na prática!

Toda vez que eu dou dicas ou exemplos de marketing de conteúdo nos stories do meu Instagram eu me surpreendo com a quantidade de gente com pequenos negócios que não faz ideia do que fazer pra crescer. Ou com a galera que quer ganhar dinheiro na internet e cansou de ser enganada com promessas milionárias.

Foi isso que me motivou a criar o blog, inclusive.

Eu costumo ter longas conversas com essas pessoas sobre as empresas que elas empreendem, dou dicas de como começar a construir autoridade digital e norte pra onde remar. E costumo responder sempre uma mesma pergunta, quando falo em que área atuo:

Marketing de conteúdo serve pra todo mundo?

Dito de forma simples: sim. Absolutamente qualquer negócio pode se beneficiar do marketing de conteúdo.

Mas qualquer negócio mesmo? Sério? Sem caô? Será?

Sim. Mas calma aí que vou explicar melhor.

Trinta ovos direto da granja por apenas dez reais

Bandeja de ovos
Trinta ovos direto da granja por apenas dez reais

Semana passada conversei com um rapaz que é dono de um daqueles carros que vendem ovo pela rua. O esquema é o que você já deve conhecer: trinta ovos por dez reais. Ovos brancos ou vermelhos, faz pouca diferença.

Aqui no meu bairro um desses passa na porta de cada casa a cada meia hora — parecem onipresentes e todos iguais. Dezenas de vendedores na cidade comercializando o mesmo produto pelo mesmo preço com os mesmos slogans e bordões.

É por isso que esse rapaz veio reclamar pra mim da concorrência forte e dizer que precisava de algo pra se diferenciar, pra conquistar os clientes — sem ter que gastar muito dinheiro com isso. Como mostrar que é especial e diferente se seus clientes, na pressa pra fazer o almoço, podem comprar com qualquer um a qualquer hora?

Num estalo, me veio uma ideia.

“Por que você não imprime receitas com ovos e coloca em cada bandeja que você entregar?”, perguntei pra ele.

A solução é simples. Os clientes vão parar de comer só ovo frito e cozido no almoço e na janta, aprender mais receitas que levam ovos e, consequentemente, comprar mais e mais ovos, além de ficarem encantados com o vendedor que é tão bondoso que ensina os clientes a cozinhar.

E isso é marketing de conteúdo.

Mas será que funciona? Bom, me ajuda a fazer um teste:

Quando eu falo em leite condensado, qual é a primeira marca que surge na sua cabeça?

Se você pensou em Leite Moça, o marketing de conteúdo funciona. Se pensou em outra marca, você precisa rever seus gostos culinários.

O fato é que a Leite Moça usou essa estratégia lá pela década de 40, quando passou a colocar receitas em suas embalagens. Muitas pessoas colecionavam essas receitas — e é provável que sua avó tenha um caderninho cheio delas no armário.

Outras marcas usaram marketing de conteúdo, mas de formas diferentes. E aqui vamos ver quatro exemplos dele na prática e dando frutos.

Quatro exemplos de marketing de conteúdo na prática

1# Guia Michelin

Já consolidada como marca de pneus de bicicleta, a Michelin decidiu entrar em outro mercado: pneus para carros. Naquela época, havia apenas três mil carros em circulação na França.

Qual estratégia eles usaram?

Em 1900, a Michelin criou o Guia Michelin. Se tratava de um compêndio que visava educar as pessoas que acabavam de comprar um carro, ou que queriam um, a lidar com seus pneus. Uma parte do guia, que teve tiragem de 35 mil cópias, listava restaurantes e hotéis. Ali os consumidores veriam aonde ir e onde comer.

E foi essa seção que fez mais sucesso.

Pneu não é o tipo de coisa que você troca igual meia suja e furada. Mas, se eles incentivassem seus clientes a ir em vários restaurantes, eles andariam mais de carro. Andando mais de carro, gastariam mais seus pneus. E VOILÁ: comprariam mais pneus Michelin.

Foi exatamente o que aconteceu.

Idealizado com o objetivo de educar o mercado e incentivar o público a gastar mais seus pneus, acabou se tornando autoridade do turismo.

O Guia Michelin passou a representar um sonho (ou pesadelo) pros profissionais dos restaurantes e hotéis. E aquele bonecão branco que parece um bebê gordinho entrou pra história.

2# Netflix

Beleza, com a Netflix funciona de um jeito um pouco diferente. Porque, no caso dela, o conteúdo não serve pra promover o produto da empresa — o conteúdo é o próprio produto.

Não vou me alongar muito aqui pra não te entediar e você não abandonar meu texto pra assistir um episódio de Breaking Bad.

Vamos direto ao terceiro exemplo:

3# Red Bull

Sim, a Red Bull é conhecida por outros tipos de publicidade.

Red Bull te dá asas
Red Bull te dá aaaaasaaaaas

Mas a empresa viu o marketing de conteúdo como uma oportunidade. Eles entenderam que seus clientes curtem esportes radicais (quem mais bebe Redbull? Adolescente que não pode comprar bebida alcoólica?). Então criaram um portal de notícias e matérias relacionadas a esporte. Sacou?

Por criar conteúdo sobre esportes radicais, o touro vermelho consolidou não só uma marca, mas um estilo de vida.

4# Noticiário Tortuga

Esse é apontado como a primeira estratégia de marketing de conteúdo de fato aqui no Brasil.

O imigrante italiano Fabiano Fabiani chegou aqui no Brasil e em 1954 abriu a Tortuga Cia. Zootécnica Agrária. Ao perceber as carências nutricionais dos bichinhos criados aqui em solo tupiniquim, ele teve uma ideia genial. Começou a fazer pesquisas que ajudassem a implementar inovações na pecuária brasileira.

Em 1955, ele colocou em prática a ideia genial: o Noticiário Tortuga, que levava informações técnicas para fazendeiros e veterinários. Essa ferramenta serviu pra dar conhecimento valioso pros profissionais do segmento — conteúdo que eles não encontrariam em nenhum outro lugar.

Até hoje o Noticiário Tortuga existe, fazendo parte da DSM.

Esses exemplos de marketing de conteúdo servem de base para entendermos a efetividade da estratégia. Apesar de ninguém ter dúvidas disso, fica aqui provado com exemplos que educar o mercado e atrair clientes funciona muito.

E, para ajudar você que quer saber mais sobre como é aplicada uma estratégia de conteúdo nos dias de hoje, vou deixar aqui o link de um artigo onde explico em mais detalhes como funciona esse serviço: O que é produção de conteúdo para web?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *